Sobre Eddas

A Origem dos Escritos Édicos 

A sorte reservou a Islândia o papel de preservar a tradição mitológica dos povos germânicos, quando Roma empreendia intensa campanha de cristianização desses povos, navegadores noruegueses do século IX abandonaram o continente para iniciar a colonização da ilha distante, levando consigo todo o “substractum” das velhas divindades pagãs, que lá iriam encontrar abrigo seguro contra as influências do novo credo. É certo que no ano 1000 o cristianismo havia chegado a Islândia, tornando-se mesmo religião muito professada, mas os missionários católicos não precisaram de abrir luta contra a antiga religião, uma vez que o próprio povo, de acordo com suas crenças, já anunciava o que mais tarde ficou sendo conhecido por “Crepúsculo dos Deuses”. 

Foi através de duas obras literárias islandesas, conhecidas como Edda, que foram escritas no século XIII, que essas tradições foram preservadas, sendo que ambas Eddas são por isso considerados os mais importantes documentos da mitologia germânica, constituindo-se nos “textos sagrados” por excelência, podemos considerar tratarem-se de verdadeira “Bíblia Germânica”. Porém uma delas, escrita em prosa por Snorri Sturluson é conhecida por Edda em Prosa, Edda Menor e Edda de Snorri. Enquanto o outra, constituída de vários poemas de autores anônimos, tem as seguintes denominações: Edda em Verso, Edda Maior e Edda Poética.
 
A palavra Edda
 
O significado do termo Edda perdeu-se com o passar dos séculos. No Codex Upsaliensis (Edda em Prosa), a palavra aparece pela primeira vez, sem qualquer explicação ou pista para a compreensão de seu significado. Após o exaustivo trabalho de estudiosos, somente três hipóteses se apresentam com certo fundamento e credibilidade.
 
A hipótese mais considerada na atualidade é a do islandês Árni Magnússon, que no século XVIII, identificou a palavra Edda como uma variação do termo óðr, do islandês antigo (Old Icelandic). Óðr significa “poema” ou “poesia”, e por sua vez é relacionada com a palavra latina vates, que possui o sentido de “poeta”. De certa forma esta é uma teoria considerável, se levarmos em conta o fato de que a segunda e a terceira partes da Edda em Prosa estão intimamente relacionadas com o estudo poético, e a Edda Poética, como o nome sugere, é composta inteiramente por poemas.
 
Eirikr Magnússon, que acreditava que Snorri usara os manuscritos do Codex Regius (Edda Poética) para compor seu trabalho, possuía uma outra teoria, afirmando que a palavra Edda teria sua origem no termo Oddi, nome da região no sul da Islândia onde Snorri havia sido criado até os dezenove anos pelo goði do local, Jón Loftsson. É possível que a palavra Oddi esteja relacionada com o nome do deus Óðinn (Odin). Dessa forma, o título Edda significaria “O Livro de Oddi”, talvez como uma homenagem do autor ao local onde tivera sua educação, sua infância e sua adolescência.
 
O poema fragmentado, provavelmente composto no século XIII por noruegueses residentes na Irlanda, o Rigsþula (“A Balada de Rig”) apresenta, em algumas de suas estrofes, a palavra Edda com o sentido de “bisavó”. Por essa razão, alguns estudiosos mantêm levantada a hipótese de que o título Edda teria significado de “histórias contadas pelas bisavós” ou mesmo “livro dos antigos”. Porém, esse é um poema posterior à obra de Snorri e a do Codex Regius(apesar de integrar a Edda Poética), o que leva muitos a considerarem essa terceira hipótese pouco provável.
  

*Pesquisa e adaptação de texto para o curso “A Magia Sagrada das Runas”

 
                                                                                Maíra C. Gomes
 
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s