Deuses Nórdicos (Poema)

DE Eduardo Campos
egorga@gmail.com

Odin, que através das runas contas tua história,
Decretando a quem dar a vitória,
Inspiração, sabedoria e glória,
Na vida dos que crêem em tua oratória.

Thor, Deus do trovão,
Habilmente nos dá Tua proteção,
Onde há perigo, a Ti uma oração,
Rapidamente farás Tua intervenção.

Freia, Deusa da magia,
Radiante e bela, a todos contagia,
Embelezando a vida, és toda alegria,
Incandescentes beijos, os corações incendeia,
Amor o sexo, pelo mundo semeia.

Frei, Deus da fertilidade,
Raio de Sol que trás a felicidade,
Enriquecendo a todos, pois grande é sua generosidade,
Irradiando força pelos campos e pela cidade.

Tir, Deus da justiça e da guerra,
Incansável guerreiro que o alvo nunca erra,
Rapidamente teus inimigos tombam sobre a terra.

Nerthus, Deusa da Terra e da natureza,
Enriquecendo o mundo com sua beleza,
Reina sobre os campos com grande nobreza,
Trazendo boa sorte, expulsa a pobreza,
Habitando os campos, é boa colheita com certeza,
Universalmente conhecida, tal qual numa correnteza,
Sua bênçãos são levadas por toda a natureza.

Njord, Deus da prosperidade e do mar,
Junto ao oceano, Teu sopro vai pelo ar,
Ondas do mar, o Teu nome a cantar,
Rompendo as águas, uma rede vou lançar,
Dando graças a Ti, muitos peixes vou pescar.

Frigg, grande Deusa do lar,
Rainha de Asgard, dos lares a cuidar,
Incansável fiandeira, os destinos a traçar,
Grande sabedoria, mas pouco vai revelar,
Guardiã dos mistérios, só aos justos vai falar.

Sif, esposa de Thor e Deusa da Colheita,
Insuflando abundância, é ceifa perfeita,
Farta cabeleira, de ouro o campo enfeita.

Pela Deusa da morte e da escuridão,
Em Teu trono estás, em grande solidão,
Longe do Sol, grande vastidão,
Lugar de silêncio, onde os mortos encontrarão,
Aquilo que merecem, eternamente descansarão.

Disires, grande é Vosso poder,
Incansáveis guardiãs de todo o saber,
Senhoras do destino, venham por mim interceder.
Impensável é ficar sem Vossa graça obter,
Rumo ao meu destino me levarão quando eu morrer,
Estão sempre comigo, em meu sangue está Vosso poder,
Senhoras Ancestrais, a vós só tenho o que agradecer.

Um abraço a todos,

Eduardo

Gutane Jer Weihailag

Anúncios

2 comentários sobre “Deuses Nórdicos (Poema)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s